o primeiro do ano


Quem diria que estas pequenas lebres viessem a viajar tanto.
Pediram-me para fazer umas quantas despidas. Para que em casa se trate do guarda-roupa. E a ideia faz-me sorrir - o fazer à mão está vivo e de boa saúde.
Este Natal foram várias as crianças que receberam bonecos de pano. Crianças que estão habituadas a ter de tudo, a quem não falta o brinquedo da moda - o que fala, o que chora, o que brinca sozinho. Cá em casa o cenário não é muito diferente. Há brinquedos a mais, muitos esquecidos e depressa ultrapassados.
Este ano pedi que não dessem brinquedos ao Miguel pelo Natal. Tem que chegue. O que ele precisa, como todas as outras crianças (podia falar dos brinquedos com que os adultos tentam preencher as suas vidas, mas isso fica para outra altura) - o que a criança precisa - é que brinquem com ela.
Numa época em que a criança é bombardeada todos os dias com as maiores novidades - que no fundo não variam muito entre si - um simples boneco de pano, um rolo de papel no chão, uma caixa de cartão vazia, umas bolas de sabão sabem a água fresca num dia de verão.

14 comentários:

rosário albuquerque disse...

Concordo contigo Virgínia! Aliás, concordo x3.

sofia disse...

:)

Ana Barata disse...

que bela sessão fotográfica!
Quanto ao resto, concordo em absoluto! começa-se de pequenino a dar o valor a pequenos nadas!

baukje disse...

so cute!!!

corry disse...

He's a cute first one! I love the dressing up photo's!

Owl_mania disse...

Concordo contigo V.

A propósito de bonecos de pano aqui vai a minha história pessoal:
A J sempre foi uma criança com preferência por bonecos de pano. Só agora, com mais de 5 anos, começa a gostar de bébés chorões brancos (até aqui só tolerava os bonecos chorões morenos, mulatos, mais escuros...).
Mas para além desta questão "racial", quando actualmente simula a escola, a vida em família, a ida ao teatro, ao circo leva sempre consigo muitos mais bonecos de pano (de preferência com cara de animal) do que dos outros (ditos bébés chorões). Dois dos bonecos inseparáveis são o Kiko, um urso que a acompanha desde os 6 meses, e a Ratinha Lili, que anda com ela para todo o lado desde os 2 anos.
Ela sente-se bem com eles e eu fico feliz por ser assim!

disse...

:)

SofiAlgarvia disse...

Que sessão fotográfica tão gira!

Laurie Anne disse...

The photos are amazing! Love this idea!
Great way to start a new year! x

vera disse...

ahaha essa sessao de strip tease ao contrario !
e esse tecido la atras, que giro !

mariazinha disse...

Awesome!

Bichos da Matos disse...

Adoro a sequência da lebre a vestir-se, fez-me rir:) Obrigada! Ainda bem que o "feito à mão" está de boa saúde ;)

Grey´s disse...

É mesmo isso Virginia, falta aos miudos hoje outras coisas que nao brinquedos.

Eu nunca poderia comprar uma lebre despida, eu a fazer os fatos ... nahhh era presa por atentado ao pudor :)))

menina madrugada disse...

opá, estas fotos!!!! estão O MÁXIMO!
parabéns!
:)))