trabalhar em casa

bastidores : backstage bastidores : backstage

Descobri que aquele balde vermelho onde guardo pequenos e infinitos pedaços de tecido que vão sobrando dos trabalhos é o melhor brinquedo do momento. Os retalhos não precisam ser transformados em nada para despertar o interesse dela - cada um, diferente do outro, é uma descoberta. É o poder da cor, dos padrões, do toque e da curiosidade - como eu a percebo!

Maria, podes continuar a brincar que a mãe continua a trabalhar, sim?

5 comentários:

Alexandra Durão disse...

Que saudades da minha Maria desse tamanhinho...

Virgínia disse...

:) passa depressa, não é? eu, por outro lado, ponho-me a imaginar como será a nossa relação daqui as uns aninhos...
a tua Maria também é linda! :)

Ana V. disse...

Como o tempo passa rápido em breve terás uma ajudante.

Inspiração Inesperada disse...

A win-win situation portanto ;)

Miú Segunda disse...

Realmente nem sempre é dos brinquedos que as crianças gostam mais! E nós preocupados em comprar-lhes brinquedos! O meu Feijãozinho, por exemplo, adora portas. Abrir-fechar-abrir-fechar... :)