do irmão para a irmã

do irmão para a irmã do irmão para a irmã do irmão para a irmã

Nem todos os colarinhos podem ser transformados desta maneira - nada que uma fita de viés não resolva. Tão simples quanto isso.
Assim ficou o casaco que esperava por uma nova oportunidade, guardado há uma década (!) com a certeza de um dia vir a servir a uma segunda criança.

Eu digo não ao desperdício. Quem disse que roupa guardada não volta a ser usada?

5 comentários:

Isilda disse...

E que bem que lhe fica!
Beijinho

cátia disse...

eu já sei quem vou chatear para costurar para os meus filhos ;)

Andreia disse...

Também gosto e costumo fazer reciclagem de roupa. Minha para mim, minha para as crianças, de uns irmãos para os outros. Por isso é que é sempre importante comprar boa qualidade!

Virgínia disse...

Ai Cátia, vou cobrar :)
Um abraço a todas! E bom fim-de-semana!

Patricia B disse...

Gosto muito! Sou mesmo contra o desperdício e adoro fazer estas pequenas reciclagens. Ficou lindo!