carrinhos



Aqueles que têm rapazes em casa sabem que é muito mais difícil encontrar coisas bonitas para menino do que para menina. Enquanto as princesas cor-de-rosa têm hectares de loja para si, os meninos, dos 0 aos 90, ficam com um cantinho que parece ter sobrado. E a escolha deixa muito a desejar. Há os rebeldes-como-o-pai e os bem-comportados-como-o-pai. A mim, deixa-me mal-disposta.
Assim, quando aparece um tecido como este na loja onde a mãe gasta o pouco dinheiro e tempo que tem, não há como não trazer um metro para experimentar. E acertei em cheio - ele adorou. Deixou-me tirar fotografias para o blog depois de lhe prometer que lhe faço outra ainda mais bonita. E sim, está quase pronta. Esta, vai para aqui. Talvez hajam mais meninos por aí a precisar de uma almofada grande, fofa, cheia de carrinhos coloridos, feita com carinho e muito gosto.

3 comentários:

maria disse...

Que gira almofada!
Conheço uma menina que também gosta muito de carrinhos. E de ferramentas, mais do que de fadas e princesas :)
Um abraço e parabéns

Virgínia disse...

Claro! Eu conheço um menino que gosta muito de cozinhas! Um abraço e espero que esteja tudo a correr bem!
Obrigada :)

maria disse...

:) Tudo a correr muito bem. A alegria (e alegria de aprender) voltou. O entusiasmo aliado à descontração - que lhe eram tão característicos.
Foi uma grande mudança de métodos, sistema, ambiente. Em óptima hora.
Por aí também me parece tudo a correr alegremente.
até breve!