pessoas admiráveis


Quero conhecer este casal.

15 comentários:

Alexandra Durão disse...

Há uns anos, fiz um curso de alimentação naturista com a Maria Feliz, lá mesmo, em V. Real. É uma mulher que transmite isso mesmo, tranquilidade e felicidade!

Virgínia disse...

Temos muito que falar!!

Margarida disse...

Que sorte a da Alexandra. Também gostava muito de conhecer este casal com um estilo de vida alternativo, auto-suficiente e acredito, mesmo feliz. Ainda bem que ainda há pessoas com coragem para se assumirem assim.

Virgínia disse...

Eu acredito muito que cada um de nós deve ser auto-suficiente. A maior angústia é ver as crianças a passar pela escola e não aprenderem o básico, aquilo que todos nós precisamos saber.
Margarida, vamos fazendo a vida à nossa maneira, não será precisa tanta coragem assim. Pequenos passos fazem o caminho :)

Chuva disse...

Fiquei cheia de vontade de habitar aquele quarto para "jovens" durante uns dias.
E aprender. Aprender muito!

Cristina Lopes disse...

Caramba! Que bem soube ver isto!
Obrigada, Virginia.

Marta disse...

Eu também quero conhecer este casal admirável!
Que inspiração... é tudo quanto consigo dizer depois de ver isto.
Obrigada Virgínia por teres partilhado :)

Virgínia disse...

É importante partilharmos aquilo de que gostamos e em que acredtiamos. E é bom saber que há muita gente que anseia por mudar. Eu acredito que é mais fácil do que parece :)

Sofia F. disse...

Quando estudei em Vila Real também conheci o casal e o espaço deles. E sim, como diz a Alexandra, a Maria é a doçura em pessoa! E isso é o essencial, as pessoas serem boas e ... felizes! Como alcançar essa felicidade? A resposta talvez não seja a mesma para todos nós... Mas também partilho da ideia de sermos auto-suficientes, pelo menos em alguns campos da nossa vida!

Virgínia disse...

Que bom! Acho que a felicidade é conseguirmos ser nós próprios por inteiro, simplesmente sermos quem fomos desenhados para ser!

Isabel Marques disse...

obrigada pelo post, já tomei nota para quando for a vila real visitar o casal feliz

Anónimo disse...

Gostei muito de ver este curto documentário. Só fiquei com pena de o jornalista afirmar que o casal não tem luz eléctrica e afinal vê-se um candeeiro em cima da mesa em que o senhor está a escrever.

Virgínia disse...

Fui ver outra vez e realmente vejo um candeeiro na mesa. Será de um gerador?...

rosa disse...

fiquei com lágrimas nos olhos, essa é que é essa... fabuloso! também eu os quero conhecer, antes que eles vão embora!!!

Bibiana disse...

Fantásticooo*