a manta

a manta

a manta

a manta

a manta

Por esta altura já estava assim, aqui já ia um pouco mais adiantada, mas só há uns dias a terminei. Estou contente com o resultado, ainda mais porque a deixei seguir o seu rumo, tentando não pensar muito, deixando o instinto e a sorte seguirem o seu caminho.
Foi acolchoada à mão (durante um Verão abrasador) e tal como as outras mantas que tenho feito, o pesponto não apanha o tecido de trás, assemelhando-se às mantas de retalhos portuguesas ( a diferença é que as minhas levam sempre um recheio para ficar mais quente). Decidi acolchoar à mão (ponto a ponto, acho que não exagero se disser que estão lá milhares - tem mais de um quilómetro de linha) e não me arrependi nem um pouco. O trabalho feito assim é muito meditativo, relaxante, espiritual.

a manta

10 comentários:

ritacor disse...

está fantástica Virgínia, muito bonita!
Os meus parabéns :))

Cristina Lopes disse...

Ficou muito bonita e alegre, Virgínia.
Eu também gosto mais de acolchoar as minhas mantas à mão, é mais tranquilo. Confesso que a sua técnica de só apanhar o tecido de cima e o recheio nunca me tinha passado pela cabeça, mas parece-me muito, muito boa.
Os pontos devem ficar mais certinhos, certo? Vou experimentar. Obrigada.

Rapariga disse...

adorei! posso por no meu blog p mostrar aos meus leitores?

rosário albuquerque disse...

esá linda V! e cheira a Verão :)

MauFeitio disse...

Está absolutamente fantástica!!! Parabéns!

P.S. Gostei da ideia de o pesponto não apanhar a parte de trás. Vou testar isso...

xuxudidi disse...

A manta é muito bonita. Não há como alcochoar à mão. Torna o trabalho único. Parabéns!

Virgínia disse...

Obrigada a todas, as vossas palavras sabem bem :)
@ Rapariga, sim mas depois quero ver!;)

umademim disse...

está linda linda!!!

sofia disse...

E lindo!...
Adorei ver esse "super homem" de manta feita capa :)
Parabéns

Zosia Ekiert disse...

beautiful!!!